Poderá também gostar:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Evangelical Pastor and Followers Violently Attacked by Hindu Mob


An Evangelical Pastor and Christian church goers were attacked by a violent Hindu mob, in what critics have identified as religious hate crimes.

According to sources, the Pastor, identified only as Pastor Kiran, was accompanied by a group of evangelical Christians while visiting a fellow church member in Nalgonda district, South East India's Andhra Pradesh state.

According to witnesses, an unidentified group of Hindu fundamentalists became outraged after they spotted Kiran and his group carrying some Christian literature, according to All India Christian Council (AICC).

The mob accused the evangelicals of plotting to conduct forced conversions, suggesting that Kiran and his group were seeking to convert non-Christians to Christianity whether or not the non-Christians were willing.

Although Kiran has vigorously denied the allegations, he and the church members were reportedly severely beaten although sources deny that there were any serious injuries.

It is believed that the pastor was taken to a local police station, by the angry Hindu mob, where law enforcement failed to file any charges against him which critics attribute to Kiran's innocence.

Hindu extremism appears to be on the rise in India, with an increase in attacks against Christian pastors becoming more prevalent.

On Wednesday, Protestant Pastor Pabita Mohan Kota's Kandhamal district home was attacked by what sources confirm was Hindu extremists, according to BosNewsLife.

Kota's wife, whose name is being withheld for security purposes, said that her family was attacked in a religious hate crime.

One of the extremists was, "...in an inebriated state due to consumption of liquor and came shouting towards our house...He pushed my daughters, shouting 'You Christians must not live here. It is not your permanent owned or legal land,'" Kota's wife told BosNewsLife.

Kota, who is an already frail old man, has seen his health worsen since the attack and one missionary described the toll which the attacks have had on the pastor and his family.

"Though damage to the house is not much, the mental torture, tension and fear is much and irreparable," Missionary K J Markose of the Catholic Montfort Missionaries group said.

Markose also said that the pastor is on trial vigorously denying "false claims" that critic argue have stemmed from heightened religious tensions.

Hinduism is the dominant religion in India with over 80 percent of the population identifying themselves as Hindu. Christians are still overwhelming minority, accounting for roughly 2 percent of the population.

The Evangelical Fellowship of India (EFI) are urging Christians to write to the Chief Minister and demand security for Christians and their churches.

Benge Nsenduluka
Christian Post Contributor

sábado, 28 de janeiro de 2012

Coabitação é degradante para a mulher

Mais casais vivem hoje em regime de coabitação do que em qualquer outra era da história, no entanto, os motivos que levam os homens a enveredar pela coabitação - e as suas preocupações - são vincadamente distintas das motivações femininas.

O estudo presente no Journal of Family Issues baseia-se em entrevistas pessoais aprofundadas e foca-se em sessões de grupos compostas por 192 indivíduos nos seus 20-quase-30 anos.

Em termos de sexo o grupo dividia-se em 50-50 (50% homens, 50% mulheres). Em termos de divisões rácicas, havia um número equivalente de caucasianos (brancos), negros e hispânicos.

Os tópicos incluíam os aspectos positivos e os negativos da coabitação, os motivos por trás da decisão da coabitação em substituição do casamento, motivos para não se coabitar, e o tipo de mudanças que poderiam ocorrer a partir do momento que o casal passasse a viver em regime de coabitação.

A socióloga Pamela Smock (University of Michigan Population Studies Center) afirmou:

Os homens e as mulheres espressaram expectativas distintas em relação ao relacionamento coabitante. Encontramos maior variação de sexo para sexo do que para grupo étnico para étnico. Isto sugere que há uma diferença substancial no papel que cada sexo atribui à coabitação durante a formação da união.
Smock levou a cabo o estudo juntamente com Huang of the University (California Hastings College of the Law), Wendy Manning (Bowling Green State University), e Cara Bergstrom-Lynch (East Connecticut State University). O estudo teve o financiamento da Eunice Kennedy Shriver National Institute of Child Health and Human Development.

Razões.

De modo geral, as razões-chave em favor da coabitação foram:
* Querer passar mais tempo com o/a parceiro/a
* Partilhar as dificuldades económicas
* Testar a compatibilidade.

No entanto, a maneira como os homens e as mulheres falavam destes 3 motivos era muito díspares. Enquanto que as mulheres identificam o "amor" três vezes mais do que os homens como motivo para viver junto, os homens identificam o "sexo" quatro vezes mais do que a mulher como motivo para a coabitação.

Embora ambos os sexos tivessem identificado a coabitação como um estado temporário onde a compatibilidade seria "medida", grandes diferenças emergiram quando se falou nos propósitos finais da coabitação.

As mulheres olhavam para a mesma como um arranjo transicional tendo em vista o casamento, enquanto que os homens olham para o mesmo como uma forma de análise da relação - conveniente e de baixo-risco - com o objectivo de apurar se o relacionamento tinha o potencial para uma relação de longo duração.

Para além disto, aquando da qualificação deste "arranjo"alguns homens usaram termos degradantes para a mulher como "test-drive". Para estes homens, a mulher é um "objecto" a testar durante a coabitação, tal como se testa um carro antes de adquiri-lo.

No entanto, a maior diferença entre os sexos centrou-se no que cada grupo identifica como sendo as desvantagens da coabitação. As mulheres acreditam que viver junto envolve menos compromisso e legitimidade que o casamento, enquanto que os homens viam a coabitação como uma limitação à sua liberdade.

O resto pode ser lido aqui.

. . . . . . . . . .

Qualquer mulher que se deixe enganar pela coabitação está a reduzir as suas hipóteses de ter um casamento longo, satisfatório e realizador. Qualquer homem que proponha a coabitação a uma mulher, está implicitamente a dizer "Eu quero usufruir de tudo o que tu tens para dar como mulher, mas não quero qualquer tipo de compromisso sério contigo".

Que tipo de mulher aceita um "arranjo" tão degradante como este? Só mesmo a mulher que pensa que esta é a única forma de algum dia vir a casar, ou a forma mais "segura". Mas se isto é assim, e se ela se acha com tão pouco valor para ser reduzida a um "objecto" a ser "testado", então se calhar ela merece o tipo de sofrimentos que normalmente acompanham as relações sem compromisso.



sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

domingo, 22 de janeiro de 2012

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Como combater a solidão

por Miss V.

Na minha solidão,
Encontro-Te!
Tu que és amparo,
E em Ti acredito!
És Força, és Divindade,
És mais do que qualquer
objecto caro,
Teu valor não tem medida,
És Alfa e Ómega,
És mais do que quer
que consiga expressar,
nas minhas humildes palavras!
A Tua palavra me é querida,
É amada por meu coração,
Tal como Amo acima de tudo,
Aquele ao que dedico,
Minha oração!
Ainda que me sinta só,
Na mais vasta imensidão,
Estás comigo,
E mesmo quando te abandonei,
Tu esperaste,
Mesmo quando não quis ver,
Tu Me Amaste!
Haverá Amor, mais verdadeiro,
Do que o d´Aquele
que nos Ama por inteiro?

sábado, 14 de janeiro de 2012

10 mentiras usadas pelos Cristãos como desculpa para não partilharem a Fé

  1. Isso é trabalho para o pastor ou para o padre." - Segundo Efésios 4:11, o trabalho dele é equipar-te para que tu possas fazer o trabalho.


  2. Não sei o que dizer.” - Há muita informação disponível para quem quer evangelizar.


  3. Eu vivo o Evangelho através do exemplo da minha vida.” - Muito bem. Agora abre a boca e anuncia a Boa Nova.


  4. Estou à espera do momento certo.” - Não existe tal coisa. O Espírito Santo falou através de Paulo em 2 Timóteo 4:2 e disse: "Que pregues a palavra, instes, a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina."


  5. Não tenho o dom do evangelismo." - Muitas pessoas não possuem o "dom do perdão" mas mesmo assim são ordenadas a perdoar - até os inimigos.


  6. Eles podem-me rejeitar.” - Não. O Senhor Jesus disse que eles vão rejeitar o que tens para dizer. Pelo menos na maioria das ocasiões.


  7. Tenho mau hálito!” - Usa rebuçados para o hálito!


  8. Não sei como iniciar esse tipo de conversa." - Que tal "quais são as tuas crenças espirituais?"


  9. Tenho medo!” - Eu também. São Paulo também tinha. Todos os Cristãos têm medo, mas isso não pode servir de desculpa para não se evangelizar. Oremos a Deus para que Ele nos dê PODER lá do Alto - Efésios 6:19.


  10. Pode acontecer eles fazerem-me uma pergunta para a qual eu não tenho respostas." - Tu não precisas de saber todas as respostas; tu apenas tens que os apresentar Àquele que tem todas as respostas.

Fonte

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

O Messias e os ecos do Jardim do Éden

PORQUE brotará um rebento do tronco de Jessé, e das suas raízes um Renovo frutificará.

E repousará sobre Ele o espírito do Senhor, o espírito de sabedoria e de inteligência, o espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do Senhor.

E deleitar-se-á no temor do Senhor: e não julgará segundo a vista dos seus olhos, e nem repreenderá segundo o ouvir dos seus ouvidos;

Mas julgará com justiça os pobres, e repreenderá com equidade os mansos da terra: e ferirá a terra com a vara de sua boca, e com o sopro dos seus lábios matará o ímpio.

E a justiça será o cinto dos Seus lombos, e a verdade o cinto dos Seus rins.

E morará o lobo com o cordeiro, e o leopardo com o cabrito se deitará, e o bezerro, e o filho de leão e a nédia ovelha viverão juntos, e um menino pequeno os guiará.

A vaca e a ursa pastarão juntas, e seus filhos juntos se deitarão; e o leão comerá palha como o boi.

Isaías 11:1-7
...

video
video

Salmo 91

"AQUELE que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Omnipotente descansará. Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu Refúgio, a Minha Fortaleza, e nEle confiarei."

Salmos 91:1-2